segunda-feira, 7 de dezembro de 2015

"4 Meses?!"

Bem... Eu vou-vos contar uma "historia", não! Esta história não é um "conto-de-fadas"! Não, mais uma história com um inicio trágico e um final fantástico! Não também não é a historia da rapariga solitária que encontrou o amor da vida dela num piscar de olhos! Esta é a NOSSA historia...
Lembras-te? Lembras-te de mim? Sim, eu era aquela rapariga que estava dia após dia a teu lado, a toda a hora, todo o minuto e segundo, será que te lembras?
Não vou começar pela inicio, tendo em vista que nos conhece-mos à 15 anos, vou "saltar" a parte em que éramos apenas "conhecidos".
Nós sempre nos conhece-mos, com o tempo começamos a falar, e em menos de um ano já era-mos "verdadeiros amigos" passado mais um tempo mandas-te-me mensagem para o fb e começamos a falar a todo o instante sem nunca mais parar, lembras-te das nossas brincadeiras, azias, conversas e desabafos? Pois bem, se tu não te lembras, eu ainda não me esqueci! Não sei mas com o passar do tempo aquele menino que eu conhecia a 15 anos começou a ganhar um encanto enorme, já não o queria apenas como amigo.
Mas enquanto o meu sentimento aumentava o teu parecia que diminuía, tu começavas a dizer que eu não era importante que era isto e aquilo.
Mas...
Mas... Houve um dia em que me beijas-te, me abraças-te e ficamos nisto uma tarde inteira, nós prometemos que aquilo ia ficar entre nós e que sempre que quisesse-mos íamos repetir, mas com o tempo íamos ficando mais distantes.
Eu percebi que já não tínhamos nem amizade, então decidi-te contar-te todo, e foi ai que todo acabou!
Eu não te contei a nossa historia numa de te lembrares, mas sim para te dizer...
Te dizer que não aguento mais quatro menos iludida pela esperança de te voltar a ter, tu seguiste em frente e não me quizes-te contigo, acredita que me custa, mas também já não te quero comigo! Custa-me ver-te a falar com outras gajas, porque era assim que nos éramos, ERA, contigo eu sentia-me tão, mas TÃO bem, e contigo eu fiquei tão na merda! Porque? Porque? Diz por que é que tudo acabou? Tu deixaste-me quando eu mais precisava e agora que estou sozinha só te queria voltar a ter, mas... Por muito que seja isso que eu queira, já não vai ser assim, é a ultima vez que te digo...
...AMOTE E ADEUS!!  

Sem comentários:

Enviar um comentário